Educação

Planeamento de sortido facilitado por simulações e automatização

Educação

Planeamento de sortido facilitado por simulações e automatização


No domínio da gestão de sortidos — incluindo merchandising, incrementalidade e otimização de espaço de linear — os riscos são muitos e o trabalho pode ser intensivo.

Encontrar formas de simular processos de gestão de sortido pode ajudar a evitar riscos desnecessários e prever resultados fidedignos, ao passo que automatizar a execução desses planos pode poupar tempo significativo e melhorar o desempenho ao nível de loja. Escolher o software de gestão de sortido e planogramas certo pode ajudá-lo a integrar tecnologias de simulação e automatização no seu processo, desbloqueando um mundo de benefícios para o seu negócio.


Pais da invenção: mitigando riscos e antecipando resultados

O que seria dos grandes inventores mundiais sem simulações?

Modelos ‘test and learn’ em tempo real sempre foram pilares da descoberta e da inovação. Veja-se, por exemplo, o primeiro simulador de voo, que ascendeu à fama histórica, pela mão de Edwin Albert Link no início da década de 1930. O simulador protótipo “Blue Box” de Link — um dispositivo semelhante a uma fuselagem equipada com cockpit, instrumentos e painel de controlo — alterou completamente os dados do jogo no setor da aviação e tornou-se parte indispensável dos programas de formação de pilotos em todo o mundo.

Curiosamente, por volta da mesma altura que Link criava um dispositivo para ajudar novos pilotos a antecipar resultados através de imitação de cenários reais, o fundador da NielsenIQ, Arthur C. Nielsen, construía a sua própria invenção virada para o futuro. Nielsen desenvolveu o primeiro índice responsável por medir vendas reais em parafarmácias e lojas de retalho, que consequentemente deram origem ao conceito pioneiro de quota de mercado — um dos KPIs mais usados para calcular o crescimento passado e futuro de um negócio.

Num avanço rápido até ao presente, vemos que retalhistas e criadores de marcas se deparam com um novo conjunto de desafios desencadeados por uma realidade de mercearia cada vez mais omnicanal. Depois de um ano em que o setor da mercearia enfrentou mais transformação do que em toda a década anterior, muitas empresas lutam para acompanhar a turbulência e consequente necessidade de melhorar o desempenho dos seus sortidos no linear e a experiência em loja.

Como tal, os parceiros comerciais de retalho têm de estar preparados para se adaptar mais agilmente no que diz respeito ao sortido, fazer crescer as categorias e maximizar retornos, tirando proveito de soluções sofisticadas e rentáveis.


Simulando lineares extraordinariamente realistas

Entre as opções mais atraentes está o software de simulação preditiva, que pode ajudar a impulsionar a procura, através de cenários customizados que arquitetam sortidos considerando o espaço disponível. Ao avaliar cenários de categoria-potencial versus categoria-atual, os retalhistas podem testar diferentes parâmetros e definições, antes de determinarem o planograma ideal.

Os recursos de simulação permitem disposições de lineares extraordinariamente reais para testar e planear cenários hipotéticos antes de executar grandes resets. Pense nisto de uma forma semelhante ao modo como um simulador de voo cria um ambiente controlado para testar e estudar potenciais condições de risco antes de levantar voo. Munidos de cenários de loja tridimensionais, com uma visão de 360 graus, retalhistas e marcas podem apoiar-se em testes imersivos, longe dos olhares dos concorrentes e sem disrupções no linear ou em loja.

Os resultados desses modelos de simulação são impressionantes, revelando 85% mais eficácia do que usando apenas taxas de vendas. Além disso, estas simulações mostram um crescimento de 8% sobre a análise agregada ao usar modelos ao nível de loja, de acordo com dados exclusivos NielsenIQ, reunidos ao longo de um período de cinco anos.

Person refining their assortment

Faça com que a sua gestão de sortido funcione para si

À medida que a gestão de sortido se complexifica, os seus concorrentes estão atentos a cada oportunidade. Posicione-se na linha da frente com estratégias proativas e soluções que simplificam a complexidade de um mercado de retalho e de uma indústria em mudança.


Um planeamento de sortido automatizado melhora o desempenho em loja.

Uma vez que o sortido tenha sido aperfeiçoado com um mix de produtos que melhor satisfaça as necessidades de uma gama diversificada de consumidores, segue-se o lançamento em toda a loja. O processo, de outra forma complexo, é simplificado com um software de planograma intuitivo. Um processo de planificação automatizado e integrado conecta-se com um sortido aperfeiçoado, usando diversos módulos para apoiar as necessidades singulares de um cliente. Seguindo um processo de categoria por categoria, os retalhistas podem criar regras de merchandising para melhorar a eficiência do product placement no linear.

Em oposição a um plano genérico e uniforme para todas as lojas do mesmo retalhista — para o qual serão, invariavelmente, necessários ajustes manuais de forma a acomodar as necessidades de diversos formatos e tamanhos em loja — a automatização reduz vastamente as horas de trabalho e os recursos humanos ao agilizar o processo, libertando o tempo valioso das equipas de merchandising para que elas se possam concentrar em outras prioridades dentro das suas funções.

Embora não seja segredo que a presença de marca no linear necessite tanto dos produtos certos (sortido) como do sítio certo (espaço), muitas vezes estas duas variáveis são tratadas em separado, resultando em consumidores insatisfeitos e resultados insuficientes para si.

Simulações e automatização têm tido um papel crucial em vários avanços ao longo da história e, em anos recentes, adicionado um valor tremendo aos resultados dos parceiros comerciais de retalho na área da mercearia. Os benefícios do planeamento end-to-end oferecidos por plataformas de simulação e automatização de merchandising não só simplificam processos trabalhosos e complexos, como também ajudam a reduzir custos através de soluções integradas.